Manicure Pedicure

Manicure Pedicure

Mercado de Trabalho

O mercado de trabalho para esta profissão é, com raras exceções, do setor privado. É um mercado competitivo, pois a profissional Manicure depende do seu nível de técnica, competência e serviços diferenciados para atrair e fidelizar clientes.

Visão do mercado

 

ANTIGAMENTE

MENOS QUALIFICAÇÃO
CORTA, LIXA, TIRA CUTÍCULA, ESMALTA
NÃO EXIGIA CONHECIMENTO

HOJE

MAIS QUALIFICAÇÃO
CUIDA DA SAÚDE
EMBELEZA UNHAS
NOVAS TÉCNICAS
RESPEITA OS CRITÉRIOS DE HIGIENE E ESTÉTICA
EXIGE CONHECIMENTO

A profissional Manicure pode atuar como:

1. Autônoma, trabalhando informalmente em suas próprias casas ou em domicílio; OU
2. Autônoma, com contrato de Parceria em um salão de beleza; OU
3. Funcionária, no regime CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas) em um salão de beleza.

A profissional autônoma tem um rendimento variável de acordo com o valor cobrado pelo serviço e pelo número de clientes atendidos, horário de trabalho, diferenciais que oferece, etc. A profissional funcionária que opta pelo regime CTL, com carteira assinada, ganha a partir do piso salarial da categoria, pode trabalhar por salário fixo ou comissão. Na maioria dos casos, a profissional autônoma ou funcionária atua em salões de beleza, clínicas de estética, pois é uma forma mais garantida e segura do que no trabalho autônomo informal, pois ajuda a tornar o trabalho da Manicure conhecido e formar clientela. A profissional que se atualiza e se especializa por meio de cursos e congressos em feiras de beleza e que com a prática atingem uma maior capacitação profissional, conseguem conquistar e fidelizar mais clientes. Para maior fidelização de clientes, além do trabalho bem feito e com responsabilidade, você deverá possuir um diferencial.

A profissional Manicure, capacitada e responsável tem consciência de que deve, sempre, manusear e esterilizar os equipamentos, conforme as instruções dos órgãos da saúde. Agindo corretamente a profissional só tem a ganhar pois um trabalho bem feito pode atrair pessoas para o salão. Ao contrário, um problema causado pelo trabalho mal feito de manicure, pode criar, até mesmo, complicações judiciais. Para que tais trabalhos sejam realizados dentro de parâmetros corretos e com excelência é imprescindível que a profissional seja altamente qualificada. Por meio das qualificações, o produto final do seu trabalho profissional garantirá qualidade, seriedade, custo compatível, rapidez, cumprindo, assim, as exigências do mercado atual.